>

Keblinger

Keblinger

Festa do Acolhimento 2013/2014

| 24 outubro 2013
Momento do compromisso

No passado dia 20 de Outubro, dia em que a Igreja celebrou o Dia Mundial das Missões, a nossa paróquia viveu mais uma celebração especial.
Um grupo de crianças iniciou o seu itinerário catequético com a celebração do acolhimento, onde pais, catequistas e toda a comunidade em geral se comprometeram na educação da fé das mesmas.
Com este compromisso vem obrigatoriamente o testemunho. Daí sejamos todos capazes de o transmitir, pois elas esperam muito de nós.
O dia foi marcado com uma tonalidade que advém de uma das tarefas primordiais a que os cristãos são chamados a ser - Missionários. Portanto com esta festa levemos mais este cargo para a vida comunitária, pois como dizia João Paulo II - "Da Missa para a Missão".


Iniciar à fé


A primeira das nossas tarefas como catequistas é iniciar os catequizandos que a comunidade nos confiou a uma fé adulta. Fé é o estilo de relação com Deus que a Igreja nos propõe.
Iniciar à fé é confiar plenamente no Deus que Se revelou perfeitamente em Jesus de Nazaré.
Iniciar à fé é conhecer e assumir as verdades que Deus revelou de Si mesmo e que a Igreja (a comunidade dos que acreditam) recebe e transmite.
Iniciar à fé é favorecer um caminho onde Deus vai sendo cada vez mais central na vida da pessoa.
Iniciar à fé é aprender a viver na presença amorosa de Deus, aqui e agora. E para sempre, na eternidade.


Procuramos uma fé madura, que seja central na vida do catequizando. Uma fé que ajuda a fazer escolhas, pequenas ou grandes. Uma fé que harmoniza todos os traços na personalidade da pessoa.
Procuramos uma fé informada e aprofundada, capaz de dar razões daquilo em que acredita.
Procuramos uma fé motivada a partir de dentro e não das pressões exteriores ao crente. Uma fé não conformista, capaz de dialogar com a mudança. Uma fé capaz de gerar empenhos de longa duração.
Procuramos uma fé dinâmica e activa. Uma fé que gera acção.


in Agenda Catequistas 2010/2011






0 comentários:

Enviar um comentário

 

Copyright © 2011 - 2018 Catequese de Rendufinho